Novidades

Início > Novidades > O que é Soldagem por Fusão

O que é Soldagem por Fusão

  • Minas Gerais mg Extrema ver
  • Minas Gerais mg Poços de Caldas ver
  • Minas Gerais mg Pouso Alegre ver
  • São Paulo sp Atibaia ver
  • São Paulo sp Campinas ver
  • São Paulo sp Itatiba ver
  • São Paulo sp Jundiai ver
  • São Paulo sp Limeira ver
  • São Paulo sp Mogi Guaçu ver
  • São Paulo sp Paulinia ver
  • São Paulo sp Piracicaba ver
  • São Paulo sp São Paulo ver
  • São Paulo sp Sorocaba ver

Toda soldagem necessita de uma fonte de calor para que aconteça a fusão entre os materiais metálicos, e para isto, é necessária uma combinação de uma série de características que são levadas em conta, como a soldabilidade dos materiais, a composição química dos mesmos, concentração adequada de energia para fusão, habilidade do soldador, riscos à saúde do soldador e do meio ambiente, entre outras.

Um dos processos mais utilizados na indústria é o de soldagem por arco elétrico, pois é utilizado na fabricação de estruturas e componentes metálicos, e na recuperação de peças com soldas danificadas ou desgastadas. Uma das formas de soldagem por arco é através da fusão.

 

CARACTERÍSTICAS DA SOLDAGEM POR FUSÃO

A soldagem por fusão é um processo de união de metais através do calor, onde ambos os metais, o de adição e o de base, se fundem. Os principais processos de soldagem por fusão são:

  • Soldagem por arco elétrico
  • Soldagem a gás
  • Soldagem por feixe de alta energia.

A diferença entre estes processos está na fonte de calor utilizada, sendo assim, os parâmetros de soldagem e o resultado final também se diferem.  

 

O QUE É FUSÃO POR ARCO ELÉTRICO

Dentre os que utilizam o arco elétrico, eles podem ser separados entre os que usam uma fonte de corrente constante, ou os que usam uma fonte de tensão constante.

 Os mais utilizados no mercado são:

  • Soldagem por eletrodo revestido (corrente)
  • Soldagem com eletrodo de tungstênio (corrente)
  • Soldagem a plasma (corrente)
  • Soldagem com proteção gasosa (tensão)
  • Soldagem com arco submerso (tensão)
  • Soldagem com eletroescória (tensão)

Estes processos de soldagem a arco  podem ser divididos entre os que envolvem alimentação descontínua do arame de adição, como a solda TIG e de plasma, e aqueles que envolvem a alimentação contínua, como o de proteção gasosa, com arco submerso e com eletroescória, que no caso, o arame de adição é o eletrodo.

No caso da alimentação descontínua, é utilizada uma fonte de corrente elétrica constante, que normalmente é um processo mais manual feito pelo soldador, resultando em possíveis variações de acordo com o comprimento do arco e habilidade do mesmo. Já no caso de alimentação contínua, as fontes de tensão são constantes, como por exemplo, caso o arco seja diminuído pelo soldador, a corrente de soldagem e a taxa de fusão aumentam, tentando amenizar a diferença na solda.

 

VANTAGENS DA SOLDAGEM POR FUSÃO

O arco consegue obter temperaturas muito altas numa pequena zona e isso auxilia o soldador com uma solda mais precisa e mais limpa, gerando resultados de maiores qualidades. Também permite o uso de qualquer atmosfera gasosa, proporcionando menor contaminação do banho metálico.

A Aventa possui máquinas de soldagem por fusão, tanto para aluguel como para venda.

Conheça melhor nossos produtos aqui e aqui.